stika

St1ka's Retro Corner

77 mensagens neste tópico

Esta semana analisei a conversão de Mega Drive do Duke Nukem 3D. E sim, o jogo é terrível:

 

 

Editado por stika
2 membros gostaram disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

 Embora talvez muito do que eu vá dizer já tenha sido mencionado em comentários anteriores, dilo-ei de qualquer forma: os vídeos parecem interessantes, o intro é bestial e a duração e temática dos vídeos apela a uma curta mas agradável  viagem  nostálgica (Meu Deus, as recordações que me vieram com o Golden Axe! xD). O uso do inglês também é louvável, que te abrange o público alvo, mas de facto peca só um pouco na questão do sotaque, que poderá desencorajar algumas pessoas, mas de resto é 10/10, bom trabalho!

1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais
há 12 horas, Alludor disse:

 Embora talvez muito do que eu vá dizer já tenha sido mencionado em comentários anteriores, dilo-ei de qualquer forma: os vídeos parecem interessantes, o intro é bestial e a duração e temática dos vídeos apela a uma curta mas agradável  viagem  nostálgica (Meu Deus, as recordações que me vieram com o Golden Axe! xD). O uso do inglês também é louvável, que te abrange o público alvo, mas de facto peca só um pouco na questão do sotaque, que poderá desencorajar algumas pessoas, mas de resto é 10/10, bom trabalho!

 

Obrigadão! :D

 

E sim, eu bem que tento fazer os possíveis quanto ao sotaque, mas não é fácil. O mais engrraçado é que nem sabia que o meu sotaque era assim tão mau. Sempre fui aluno de tirar 17 e 18 a Inglês sem ter que estudar quer na escola quer faculdade.

 

Agora que me torno youtuber descubro que tenho um sotaque terrível

3 membros gostaram disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Não é assim tão mau, mas no formato em que apresentas, ao fim e ao cabo uma das coisas que te vai caracterizar mais o teu conteúdo é a narração, o que acaba por arcar uma maior pressão sobre a voz. Mas continua a fazer vídeos e a praticar, são muito bons ^^

2 membros gostaram disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Esta semana analisei um jogo que foi lançado à apenas algumas semanas, mas é um dos jogos mais profundos e originais que já joguei, Doki Doki Literature Club.

 

 

Editado por stika
1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

A pedido de um utilizador, analisei o Star Trek Deep Space 9 para a Mega Drive. Espero que gostem! :D

 

 

Editado por stika
1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

O teu sotaque ou está a melhorar ou eu já estou habituado. Normalmente preciso de te ouvir uns 15 segundos para "aclimatizar", mas desta vez não foi preciso.

1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais
há 1 hora, Descartas disse:

O teu sotaque ou está a melhorar ou eu já estou habituado. Normalmente preciso de te ouvir uns 15 segundos para "aclimatizar", mas desta vez não foi preciso.

 

Acho que já te habituaste, no reddit houve um tipo que disse que pareço o Borat XD

1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Esta semana analisei o primeiro clone do Legend of Zelda que a Sega alguma vez fez: Golvellius para a Master System. Espero que gostem! :D

 

 

 

Editado por stika
1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Nunca em altura alguma me ri tanto com um jogo. A sério, se têm uma PS4, por favor joguem isto. 

 

 

Editado por stika
1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Sugestões/dúvidas do expert de bancada oficial do anime portugal:

 

Às vezes há videos em que sinto que a música que tu usas (do genérico de abertura) é usada durante tempo demais. A intro do vídeo do deep space 9 é o caso onde sinto mais isso. Já pensaste em fazer uma transição quando passas do parágrafo/cena introdutória para a parte em que falas sobre as embalagens? Isto sou só eu, claro. Se te sentes completamente confortável com a maneira como o formato está, é preferível produzires mais conteúdo (e o teu desenvolvimento como comunicador a isso implícito) do que teres de sofrer uma re-adaptação só porque uma música toca 15 segundos a mais.

 

E por falar em música, há alguma razão específica para não usares as que costumavas usar? Percebo que não uses a que usavas no genérico antigo porque, bem, o genérico de abertura agora está muito melhor trabalhado, mas a que usavas antes no final dos teus vídeos tinha uma melodia mais conclusiva que sugeria mais facilmente que estavas a fazer o wrap-up.

 

Outra coisa, em relação aos vídeos sobre jogos mais recentes. Visto que não se inserem na esfera retro, se calhar poderias diferenciá-los um pouco em termos estéticos. Meti aqui algumas sugestões mas esta publicação já cheira a presunção que chegue. Sem dúvida que a melhor pessoa para gerir a tua imagem és tu, portanto não me aprofundarei mais sem autorização.

 

 

Por fim, uma pergunta que queria fazer já há algum tempo: onde é que traças o limite para o que é e o que não é retro? Para cima da saturn deixa de se considerar retro independentemente de quanto tempo passe? Ou varia com o tempo? Por exemplo, serão para ti a dreamcast, ps2 e gamecube já consideradas retro? Para contextualização, por volta de 2004 a snes e a mega drive já eram consideradas retro, com pouco mais de uma década de idade. A dreamcast e a ps2 já vão em quase 19 anos sendo que a gamecube com 15 anos é a mais "nova" dessa geração. Se calhar era boa discussão para lançares no teu canal!

 

 

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais
há 10 horas, Descartas disse:

Sugestões/dúvidas do expert de bancada oficial do anime portugal:

 

Às vezes há videos em que sinto que a música que tu usas (do genérico de abertura) é usada durante tempo demais. A intro do vídeo do deep space 9 é o caso onde sinto mais isso. Já pensaste em fazer uma transição quando passas do parágrafo/cena introdutória para a parte em que falas sobre as embalagens? Isto sou só eu, claro. Se te sentes completamente confortável com a maneira como o formato está, é preferível produzires mais conteúdo (e o teu desenvolvimento como comunicador a isso implícito) do que teres de sofrer uma re-adaptação só porque uma música toca 15 segundos a mais.

 

E por falar em música, há alguma razão específica para não usares as que costumavas usar? Percebo que não uses a que usavas no genérico antigo porque, bem, o genérico de abertura agora está muito melhor trabalhado, mas a que usavas antes no final dos teus vídeos tinha uma melodia mais conclusiva que sugeria mais facilmente que estavas a fazer o wrap-up.

 

Outra coisa, em relação aos vídeos sobre jogos mais recentes. Visto que não se inserem na esfera retro, se calhar poderias diferenciá-los um pouco em termos estéticos. Meti aqui algumas sugestões mas esta publicação já cheira a presunção que chegue. Sem dúvida que a melhor pessoa para gerir a tua imagem és tu, portanto não me aprofundarei mais sem autorização.

 

 

Por fim, uma pergunta que queria fazer já há algum tempo: onde é que traças o limite para o que é e o que não é retro? Para cima da saturn deixa de se considerar retro independentemente de quanto tempo passe? Ou varia com o tempo? Por exemplo, serão para ti a dreamcast, ps2 e gamecube já consideradas retro? Para contextualização, por volta de 2004 a snes e a mega drive já eram consideradas retro, com pouco mais de uma década de idade. A dreamcast e a ps2 já vão em quase 19 anos sendo que a gamecube com 15 anos é a mais "nova" dessa geração. Se calhar era boa discussão para lançares no teu canal!

 

 

 

Wow, tanta dúvida. Ok, ok vamos lá ver :P

 

1 - Eu uso o genérico para a introdução, packaging e conclusão dos videos. O problema é que às vezes a um ou mais destes elementos prolongam-se durante bastante tempo, especialmente se for um jogo em que valha a pena mostrar a embalagem. Eu uso o genérico durante a embalagem porque nao tenho outras músicas, esta é a única que tenho, lol.

 

2 - A razão principal para eu ter mudado de música é porque a música anterior não era minha. Era a música de um jogo de Master System. A música que uso agora é inteiramente minha, basicamente contactei uma compositora que se especializa em trabalhar com hardware de consolas antigas e disse que queria uma música que usasse o chip de som da Mega Drive. Por isso eu uso esta música mais devido a uma questão de direitos de autor.

 

3 - Sim já pensei nisso, mas as animações que uso para o canal são caras e demoram tempo a fazer. Neste momento tenho 3 variantes de intro e outro: uma para a Mega Drive, uma para o Gameboy e outra para a SNES e já pedi que me fizessem uma versão Mater System. O problema é que estas animações custam 150 euros cada uma e demoram cerca de um mês a fazer lol.

 

4 - Isso é algo que nunca é bem consensual. Para mim se um jogo já tiver idade para beber, conduzir e votar (ou seja, 18 anos) já pode se considerado retro. Mas há muita gente que ainda pensa que a PS1 nao é retro, por isso depende a quem perguntares :P

1 membro gostou disto!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Estou a ver, é bem visto. Já tinha reparado na versão SNES da música que usas e sabia que estes detalhes estéticos costumam ser a dinheiro, mas não fazia ideia que chegava a esses valores.

 

há 3 horas, stika disse:

Isso é algo que nunca é bem consensual. Para mim se um jogo já tiver idade para beber, conduzir e votar (ou seja, 18 anos) já pode se considerado retro. Mas há muita gente que ainda pensa que a PS1 nao é retro, por isso depende a quem perguntares :P

 

Aqui a falarmos destes limites e da idade dos jogos e apareceu-me este tweet à frente!

 

 

 

É uma lista de jogos que farão 20 anos em 2018. Destaca-se marvel vs capcom, xenogears, resident evil 2, kirby 3, sakura taisen 2, time crisis 2, metal slug 2, bomber man hero, guilty gear, f-zero X, star ocean, soul calibur, half-life, pokemon stadium, metal gear, pokemon yellow, banjoo-kazooie, atelier elie, sonic adventure, suikoden 2, zelda ocarina of time e JJBA (SNK). E consolas, vai ser o neo geo pocket, o gameboy color e a dreamcast. Tanta qualidade... E até no japão já têm idade para beber, que lá é só a partir dos 20 anos!

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais
há 20 horas, Descartas disse:

Estou a ver, é bem visto. Já tinha reparado na versão SNES da música que usas e sabia que estes detalhes estéticos costumam ser a dinheiro, mas não fazia ideia que chegava a esses valores.

 

 

Aqui a falarmos destes limites e da idade dos jogos e apareceu-me este tweet à frente!

 

 

 

É uma lista de jogos que farão 20 anos em 2018. Destaca-se marvel vs capcom, xenogears, resident evil 2, kirby 3, sakura taisen 2, time crisis 2, metal slug 2, bomber man hero, guilty gear, f-zero X, star ocean, soul calibur, half-life, pokemon stadium, metal gear, pokemon yellow, banjoo-kazooie, atelier elie, sonic adventure, suikoden 2, zelda ocarina of time e JJBA (SNK). E consolas, vai ser o neo geo pocket, o gameboy color e a dreamcast. Tanta qualidade... E até no japão já têm idade para beber, que lá é só a partir dos 20 anos!

 

Wow, o 1º Atelier faz 20 anos! É uma pena que demorou quase 10 anos até os jogos Atelier serem lançados no Ocidente :(

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Esta semana analisei o Megaman Legends 2 para a PS1. Se gostam de Legend of Zelda e gostavam de ter um jogo semelhante para a PS1, recomendo vivamente este jogo:

 

 

Editado por stika

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Esta semana analisei o Super Castlevania 4 para a Super Nintendo. Espero que gostem! :D

 

 

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Esta semana Analisei o Pool of Radiance: O único jogo onde podes salvar o mundo com uma equipa de Sean Conneries transexuais:

 

 

Partilhar esta mensagem


Link para a mensagem
Partilhar nas redes sociais

Cria uma conta ou faz login para comentar!

Para escrever um comentário é necessário ter uma conta. É muito fácil e rápido criar uma!

Criar uma conta

Cria uma conta e vem fazer parte desta comunidade! É fácil e rápido!


Criar uma conta

Login

Já tens uma conta? Faz o login!


Faz login agora